mensagem para o atleta profissional!

Você tem absoluta certeza que está no máximo de seu potencial? Ou você tem consciência que não está; talvez já tenha se sentido melhor em outro momento da carreira e esse 'melhor' não voltou mais.

Mesmo que você ache que esta muito bem, ou saiba que não está, fique comigo e leia esse pequeno texto até o final.

Em 2015 eu trabalhei com um dos treinadores do FC Barcelona. Ele me explicou que a grande virada do clube se deu quando houve uma completa 'mudança de mentalidade'. Novos conceitos e uma nova visão foram implantados e o Barça se tornou em pouco tempo multicampeão e um dos maiores do mundo.

Com base nesse exemplo de sucesso, eu lhe pergunto: você está disposto a mudar sua velha forma de pensar? Tenha sido ela vitoriosa ou não, isso não importa. O que vale é se você tem coragem suficiente para deixar pra trás algumas coisas e se abrir totalmente para que algo novo penetre em ti, mexa novamente contigo, abra novos caminhos em seu cérebro.

Exatamente, novos caminhos, novas redes neurais. Se você faz sempre as mesmas coisas, repete os mesmos padrões e pensamentos, seu cérebro já se acostumou com isso; ele está simplesmente no modo 'automático'. Não é exigido e, sem exigir mais dele, você está muito, mas muito aquém de onde poderia estar. Você pode ter conquistado muitas vitórias e ainda estar abaixo; acredite, é bem possível que isso ocorra.

O atleta e o treinador do Século XXI são aqueles que preparam a mente, que exercitam o cérebro

tanto quanto o corpo físico. Isso é um fato e, se você não acredita, pode ficar sentado assistindo

ou pode, nesse momento, tomar uma nova decisão. Uma decisão realmente poderosa. A mesma que tomaram Michael Jordan, Kobe Briant, Djokovic; a mesma que vem tomando os atletas olímpicos norte americanos e os jogadores da NFL.

O esporte esta mudando, quer você queira ou não.

Ruben Sanchez, ex jogador da seleção espanhola de futebol e atual treinador, disse em uma entrevista: "Eu passei de repente a fazer menos e realizar mais. Quando você está mais consciente de si mesmo, você não corre muito - apenas quando precisa. Em vez de ir aqui e ali, afobado, você começa a fazer as coisas certas no jogo. Comecei a marcar, e meu jogo, em geral, subiu para outro nível".

São muitos os casos. A ciência está aí, comprovando os efeitos positivos de uma preparação mental adequada através de técnicas de meditação e treinamento do cérebro, resta saber se você, atleta, está preparado para o seu próximo nível!

Nesse link uma seleção de notícias e estudos científicos: https://docs.wixstatic.com/ugd/0556ed_96ca427f7db84740b8c3db92e80a159c.pdf


30 visualizações

BBiC | Rua Delfim Moreira, 12, 1º Andar, Santos/SP | +55 13 996 881 297

shak@gabhishak.com.br 

©2020 by Gabhishak

  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon