A MEDITAÇÃO

Até março do ano passado eu dava meditação em um pequeno espaço na cidade de Santos.

Atendia empresários, atletas, artistas e pessoas interessadas nos efeitos terapêuticos da prática meditativa.

Aí veio a pandemia e tive que fechar as portas. E desde então aquele cenário que parecia negativo acabou se tornando um universo cheio de possibilidades.

Entrei de cabeça no mundo online, criando cursos, treinamentos e eventos pela internet.

As pessoas começaram a chegar e chegaram cada vez mais; e quando me dei conta havia gente do Brasil, Estados Unidos, México, Costa Rica, Chile, Argentina, Portugal e até mesmo de Cuba experimentando a meditação sem fronteiras e sem limites.

Minha forma de trabalhar mudou e eu também me mudei várias vezes, vivendo um pouco em cada lugar, apenas um notebook, um celular, duas ou três peças de roupa e o coração aberto para compartilhar a maior ferramenta de cura e transcendência que existe. 

Três Sannyasins

e um iluminado

viajando nos braços do infinito

E então os companheiros de jornada foram chegando, aqueles meditadores ávidos para descascar a cebola até não reste absolutamente nada. Os novos 'vagabundos' iluminados do darma, bem parecidos com aqueles de Jack Kerouac. 

Primeiro foi o Sanhithya, depois o Nirgun -  e o Madiba, nosso querido iluminado de quatro patas. 

Estamos apenas indo de um lugar ao outro, sempre de passagem e impermanentes, como fez o Buda Gautama há quase três mil anos ou Bashô em sua iluminada peregrinação pelas trilhas longínquas de Oku. 

E na bagagem carregamos a voz da meditação, compartilhando o poder que possui enquanto prática e como método de autoconhecimento; a meditação que é pura deliciosidade. A meditação de Osho e Satyaprem.

Foi assim que, sem nenhum plano, nasceu o projeto 'Três Sannyasins e um iluminado' como uma forma de contar essa aventura que se desenrola na infinitude do agora, nos braços macios do infinito.

ebook três sannyasins.png

nosso primeiro livro

Esse pequeno livro traz algumas meditações que não são propriamente meditações. São insights para que cada pessoa possa inserir gradualmente a meditação na vida diária, meditando sem meditar. E serve para todo mundo, mesmo sem experiência, criança ou adulto, não importa. E tem também trechos de diálogos com perguntas e respostas sobre o assunto, abordados de maneira franca e direta. Vale a leitura!

Mais uma coisa.
Ele custa R$ 19,90 e sua venda garante parte das nossas despesas. Quem compra, além de poder usufruir do conteúdo, também ajuda milhares de outras pessoas, pois é esse recurso que nos mantém na estrada compartilhando a meditação.

ebook três sannyasins (1).png
Takuhatsu.jpeg

Takuhatsu

Antigamente os monges da Índia e no Japão viajavam pelo país e trocavam seus ensinamentos por alimentos e hospedagem. Os leigos, as pessoas em geral, doavam comida e dinheiro e recebiam em troca algumas palavras de sabedoria, um mantra ou simplesmente um gesto de agradecimento. Alguns desses monges usavam um sino e quando os comerciantes e moradores ouviam, saíam às portas para oferecer alguma coisa. Aqueles que doavam sentiam-se profundamente gratos, mais até que os próprios monges. Há quem diga que os doadores recebiam méritos e melhoravam o karma. 

Os tempos mudaram mas a necessidade permanece.

Os monges de hoje não usam sandalhas de palha; eles andam de bermuda e tem celular, mas podem continuar levando uma voz de sabedoria. E aquele que doa, continua praticando um ato de nobreza, pois quando doa está doando para si mesmo. A doação deve ser um ato espontâneo de amor e compaixão.
Os monges modernos não estão só no mosteiro e não precisam usar roupas tradicionais; eles podem viver em qualquer lugar, desde que continuem compartilhando.

Nós somos esses monges modernos; de barba, cabelo e óculos escuros. Largamos o emprego, deixamos a família e o conforto da casa quentinha e perfumada para viver um pouco em cada lugar, para poder falar da meditação e meditar, espalhar sua vibração e oferecê-la a todos que quiserem receber suas bençãos.

Para continuar na estrada, precisamos de colaboração para comer, dormir, e encher o tanque da kombi. 

Compartilhar a meditação é nossa campanha de vacinação transcendental em massa.

Faça parte!
 

Muito prazer

veja como estamos compartilhando a meditação

textos

Coluna do Gabhi no portal wemystic com mais de 100 artigos e milhares de cliques

podcast

Devaneios do Shak no Spotify, falando sobre o multiverso da meditação

youtube

Novo programa com apoio Wemystic, trazendo especialistas em um diálogo transcedental

redes sociais

veja algumas fotos no instagram e experimente algumas dicas e meditações grátis no youtube

algumas formas de encher nossa tijela

cama de hotel branco e dourado

hospedagem

temos uma kombi e duas barracas, mas adoraríamos tomar um banho quentinho e deitar o corpo em um colchão macio...

comida fresca

estamos literalmente 'passando a tigela'. aceitamos alimentos ou refeições.

alimentação

Tocar Guitarra por Dinheiro

com o litro da gasolina a 5 reais permanecer na estrada é um grande desafio. toda ajuda é bem vinda para essa e outras despesas

despesas

além de tudo isso, ainda podemos colaborar com você:

meditando

leve nossos cursos e vivências para seu espaço (presencial e online)

voluntariado

podemos ajudar na recepção, em serviços gerais e na cozinha em uma troca colaborativa

divulgando

escrevendo sobre nossa experiência juntos e mostrando seu espaço para o mundo

nosso PIX
chave: 37.118.500/0001-32

contato: 13.996881297